Contato: (21) 9 9370-1118 | diego@infointerativa.com

Atualização do OJS 2.4.8 para 3.0.1

Em virtude de dificuldades encontradas na atualização da versão 2 para 3 do OJS (Open Journal System), resolvi fazer este resumo da solução encontrada.

Abaixo os comando para solução do seguinte que estava obtendo na atualização:

There are no readable files in this directory tree. Are safe mode or open_basedir active?

Parece que há um erro de dados nos dados OJS 2.4.x: alguns dos artigos não possuem uma seção válida.

Para verificar se há artigos nessa situação, execute o seguinte no seu banco de dados:

SELECT a.article_id FROM articles a LEFT JOIN sections s ON (a.section_id = s.section_id) WHERE s.section_id IS NULL;

Isso gerará uma lista de IDs de artigos para os quais uma seção é necessária. Você pode entrar através do fluxo de trabalho OJS 2.4.x e atribuí-los, ou você pode editar o banco de dados diretamente (Se estiver trabalhando com o banco de dados diretamente, verifique se o section_id  que você usa pertence ao diário no qual o envio está).

A primeira coisa a fazer é estabelecer uma política sobre como, de uma perspectiva de conteúdo, você deseja atribuir esses artigos. Existe já uma seção consistente e adequada nas revistas que você deseja atribuir a esses artigos? Deseja criar uma nova seção para cada revista?

Como você tem tantos periódicos, a abordagem mais conveniente é provavelmente criar uma nova seção para cada revista, diretamente no banco de dados. Você pode fazer isso com:

INSERT INTO sections (journal_id, seq, editor_restricted, meta_indexed, meta_reviewed, abstracts_not_required, hide_title, hide_author, hide_about) SELECT journal_id, -9999, 1, 1, 0, 1, 1, 0, 1 FROM journals;

Isso criará uma nova seção para cada revista. O seqvalor -9999causará que a seção seja listada muito alta na tabela de conteúdo (eu suspeito que você precisará preservar a ordem da exibição do artigo), mas também vamos usá-lo abaixo como uma conveniência para ajudar a encontrar esses novos seções ao preencher os outros dados necessários.

Agora você quer dar um título para cada seção:

INSERT INTO section_settings (section_id, locale, setting_name, setting_value, setting_type) SELECT section_id, ‘en_US’, ‘title’, ‘New Section Title Here’, ‘string’ FROM sections WHERE seq=-9999;

O exemplo acima define o en_UStítulo em inglês ( ) para “Novo título de seção”; ajuste a localidade e o título para se adequar e repita a consulta quantas vezes você precisar para várias localidades. Certifique-se de fornecer pelo menos um valor nos locais principais do jornal.

Agora, você precisará fazer uma atualização de várias mesas para atribuir as seções não atribuídas às novas seções:

UPDATE articles a LEFT JOIN sections s1 ON (s1.section_id=a.section_id) LEFT JOIN sections s2 ON (a.journal_id=s2.journal_id AND s2.seq=-9999) SET a.section_id=s2.section_id WHERE s1.section_id IS NULL;

Certifique-se de ter um bom backup antes de executá-los, e antes de entrar em contato com os dados corrigidos dessa maneira, certifique-se de revisá-lo dentro da instalação para garantir que ele esteja bem.

(Essas consultas são destinadas a serem executadas no banco de dados OJS 2.x, antes de executar o script de atualização).

Fonte: https://forum.pkp.sfu.ca/t/upgrade-from-ojs-2-4-7-to-3-0-1-fails/27716

Atualizando o Ubuntu via Terminal

Para saber qual a sua versão atual, execute o seguinte comando:

lsb_release -a

Passo 1. Faça login com sua conta em um terminal do Ubuntu server;
Passo 2. Instale o update-manager-core primeiro, executando o comando abaixo:

sudo apt-get install update-manager-core

Passo 3. Em seguida, abra o arquivo de configuração para edição.
Se preferir, use o VIM ou NANO ou qualquer outro editor disponível:

sudo vi /etc/update-manager/release-upgrades

Passo 4. Dentro do arquivo, modifique a linha Prompt para que fique como “Prompt=normal”.
Salve e feche o arquivo;
Passo 5. Inicie o processo de atualização com o comando:

sudo do-release-upgrade -d

Passo 6. Agora siga as instruções na tela e logo estará pronto.

Pronto! Seu sistema está atualizado.

Instalando Windows em Partições GPT

Tive um problema ao instalar o Windows 7 em alguns notebooks, a seguinte mensagem de erro era exibida:

“O Windows não pode ser instalado neste disco. O disco selecionado está no estilo da partição GPT.”

Pesquisando pela internet encontrei em um fórum uma solução que tive êxito para poder instalar o Windows nos notebooks, segui os passos abaixo:

1. Depois de dar boot via Windows 7, na tela de idiomas pressione <Shift> + <F10> para abrir o terminal (console)

2. Digite os seguintes comandos na linha de comando:

diskpart <enter> (Este comando permite acessar ao utilitário para gerir partições)

list disk <enter> (Mostra todos os discos. Verifica se o disco 0 corresponde ao disco que compraste (basta verificares o tamanho)

select disk 0 <enter> (Vai escolher o disco 0 para efetuar operações sobre ele. Se o disco novo não for o 0, então você deve alterar o número no comando para, por exemplo, select disk 1 )

clean <enter> (Este comando vai eliminar as informações de configuração existentes no disco, ou seja, todos os dados e TODAS as partições serão EXCLUÍDAS! )

create partition primary <enter> (Este comando vai criar uma partição primária (no disco que selecionou no passo select disk x)

exit <enter> (para abandonar o utilitário diskpart )

exit <enter> (para regressar ao programa de instalação)

3. Agora na tela de seleção de partição, escolhe aquela que acabou de criar. Se continuar a dar erro, reinicia o computador e verifica se o erro desapareceu (de vez em quando é necessário um reboot para que as alterações fiquem visíveis ao setup do Windows);

4. Antes de instalar o Windows, formate o disco.

Fonte: Wikipedia, Fórum UOL

cef

Problemas com módulo de segurança da Caixa Econômica Federal

cefTive alguns problemas para acessar a minha conta na Caixa Econômica Federal estes últimos dias, e após muita pesquisa e perda de tempo, consegui solucionar através destas informações que vocês podem conferir abaixo.

Basicamente o que é preciso ser feito:

  • Limpar o histórico do seu navegador utilizado para acesso da conta;
  • Instalar a nova cadeia de certificados para a versão do seu navegador;
  • Instalar o módulo adicional de segurança, que foi bastante complicado de encontrar (pelo menos comigo, visto que no site do banco ao clicar em “Concordo” para instalar o módulo, nada acontecia, sendo feita a tentativa em 4 navegadores: Firefox, Chrome, Opera e IE).

Primeiro passo:

Limpar o histórico do navegador.

Segundo passo:

Instalar os certificados.

Você pode conferir neste link da caixa (CLIQUE AQUI) o passo a passo para o navegador desejado. O tutorial deles está bem explicado e não há o que eu comentar sobre está instalação. Leia atentamente o passo a passo.

Terceiro passo:

Instalar o módulo adicional de segurança.

Caso não consiga instalar pelo site, como aconteceu comigo, existe outras duas opções: Através deste link (CLIQUE AQUI) ou através do arquivo que eu consegui achar no site da caixa, no qual fiz um backup no 4shared antes que ele sumisse de lá. Segue ele através deste link (CLIQUE AQUI). Eu consegui através deste arquivo que coloquei no 4shared, só executa-lo e deixar ele rodar os procedimentos (faça isso com todos os navegadores fechados).

Qualquer dúvida, tem umas orientações que também consegui no site da caixa, segue link (CLIQUE AQUI).